Voz do Consumidor

Privatização dos Correios e Eletrobras: Governo anuncia para 2021

Privatização dos Correios e da Eletrobras, ambas defendidas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, foram anunciadas nesta quarta-feira (02).

privatização dos correios

A Voz do Consumidor. Privatização dos Correios e da Eletrobras, ambas defendidas pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, foram anunciadas nesta quarta-feira (02). Ambas sempre discutidas desde sempre pelo ministro. No entanto, os projetos ainda precisam ser aprovados pelo Congresso Nacional.

Enquanto o projeto da privatização dos Correios ainda não foi enviado para a Câmara dos Deputados, o da Eletrobras está parado, porém, ambas foram divulgadas no cronograma oficial do Governo nesta semana.

Antiga Estação Ferroviária de Diamantina também está na lista

Está previsto também leilão de ferrovias, parques nacionais, energia elétrica e portos. Um dos locais que está incluso é a Antiga Estação Ferroviária de Diamantina, em Minas Gerais, bem como a Aldeia dos Sentenciados, em Fernando de Noronha e o Palacete Carvalho, em Fortaleza.

Os parques nacionais também podem ser comprados pela iniciativa privada, como a Serra dos Órgãos, no Rio de Janeiro; Jaú, no Amazonas; Chapada dos Guimarães, no Mato Grosso; Serra da Capivara, no Piauí; Ubajara, no Ceará; e Serra da Botoquena, no Mato Grosso do Sul. Também estão inclusos Anavilhanas, no Amazonas, e Serra da Bocaina, no Rio de Janeiro.

CeasaMinas e Companhia Brasileira de Trens Urbanos também estão inclusos

Também está prevista a privatização da CeasaMinas (Centrais de Abastecimento de Minas Gerais S.A), bem como da Emgea (Empresa Gestora de Ativos) e da ABGF (Agência Brasileira Gestora de Fundos Garantidores e Garantias).

Além disso, ainda em Minas Gerais, a Companhia Brasileira de Trens Urbanos está na lista.

Em outros estados, a Nuclep (Nuclebrás Equipamentos Pesados), a Codesa (Companhia Docas do Espírito Santo) e a Trensurb (Empresa de Trens Urbanos de Porto Alegre) também podem ser privatizadas.

115 projetos previstos para o ano que vem

O Ministério da Economia já havia planejado a privatização de 126 projetos no Programa de Parceria de Investimentos (PPI), programa que faz concessões, privatizações e parcerias com o setor privado. Só para 2021, 115 projetos estão previstos.

A lista divulgada nesta quarta-feira (02) passa a contar com 201 projetos, com expectativa de gerar R$ 367 bilhões de investimentos só no ano que vem.

Leilões previstos para 2021

Dentre os projetos para o ano que vem, estão sendo listados leilões, que incluem 16 portos, como o de Santos, em São Paulo; seis rodovias, três ferrovias, 22 aeroportos, seis parques e florestas. Além disso, está previsto o leilão do 5G, quinta geração para redes móveis e banda larga.

A Voz do Consumidor

Por: Lara Hinkel

Leia também:

Contrato de Financiamento: você está sendo enganado?

Energia e gasolina vão ficar mais caras

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments