Voz do Consumidor

Auxílio emergencial não será prorrogado

Auxílio emergencial pago durante a pandemia não será prorrogado. Também não haverá a criação de novo programa de distribuição de renda.

Auxílio emergencial

O presidente Jair Bolsonaro anunciou, nesta quarta-feira (15), que o auxílio emergencial pago para vulneráveis durante a pandemia não será prorrogado. Também não haverá a criação de novo programa de distribuição de renda.

Isso porque, segundo o presidente, o País possui capacidade de endividamento e não pode se “desequilibrar”. Além disso, Bolsonaro afirma que o auxílio tem caráter emergencial, como o próprio nome diz, e por isso não deve ser prorrogado. O fim será agora em dezembro.

Alternativa

A nova alternativa seria aumentar um pouco o programa Bolsa Família, que deverá ser o novo foco. O Governo já está tratando do assunto com a equipe econômica.

Bolsonaro ainda ressalta que o Brasil tem que manter as contas em dia e em ordem para evitar o aumento da inflação, que ele descreve como “o imposto mais danoso”.

De acordo com o ministro da Economia Paulo Guedes, o auxílio emergencial poderia durar até um ano, caso fosse de menor valor (R$200). Ele também confirma que em 2021 não será prorrogado, uma vez que a economia já voltou com força.

Ações do Governo

O ministro ainda destaca que as ações do Governo serão baseadas em evidências, e que saberão como agir se houver situação de emergência, o que não está nos planos no momento.

Apesar da pressão, por enquanto não há chance de ter auxílio emergencial em 2021. No entanto, a ala política do governo continua defendendo a prorrogação por mais três meses.

Além disso, há a chance de incluir a PEC Emergencial no novo programa social do Governo. A PEC foi proposta pelo ministro Paulo Guedes no ano passado, e tinha como principal objetivo obter recursos para custear a infraestrutura, além de amortizar a dívida pública. Ela é chamada por Rodrigo Maia de “regulamentação do teto de gastos.”

Por Lara Hinkel

Leia também:

Pagamentos por WhatsApp devem virar realidade em 2021

Cuidados com os reajustes dos planos de saúde

Saiba como ter desconto na conta de luz

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do Portal UAI.

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments